segunda-feira, 31 de dezembro de 2007

Fotos da festa para os ex-atletas do ABC


Festa dos ex-atletas

Marquei presença na festa dos ex-atletas, no Complexo Vicente Farache. Foi uma grande homenagem feita pelo clube aos jogadores que marcaram época no ABC. O ABC deu livre acesso a todas as dependências do clube a 80 ex-jogadores, além de placas especiais de agradecimento pelos serviços prestados ao clube, aos craques Marinho Chagas, Danilo Menezes, Noé Soares, Piaba e Burunga.
Burunga é uma figuraça. Craque do ABC nos anos 60, campeão pelo Mais Querido e também por outros clubes de Natal, Burunga demonstra muita simpatia em conversar com colegas da época. Isso é que era legal no evento: ver todos conversando sobre jogadas, gols, lances que eles fizeram há muito tempo atrás. Para eles, parecia que tinha sido ontem, tal a riqueza de detalhes de cada lance.
Passei pouco tempo na festa. Tive também o prazer de conversar com Marinho. Alberi e Danilo Menezes, que eu gostaria muito de ter conversado, vai ficar pra outra oportunidade. Robgol também estava lá. Robgol, Joaozinho, Jorge Demolidor, todos os grandes nomes estiveram presentes. Infelizmente tive que sair rápido.
Mas deu pra ver o quanto que esses jogadores ficaram felizes com a comemoração. Uma festa completa.
Um alô especial pros grandes árbitros Aldemir Faustino e Jonaldo Batista, que também estiveram lá e são leitores assíduos desse blog.
Parabéns ao ABC por mais um gol de placa! Vou colocar fotos da festa em seguida.

quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

Meninada de olho no ABC: diretoria, abre o olho também!

Alô pessoal do ABC que é responsável pelo site do clube: tem vários garotos, inclusive de fora de Natal (Salvador, Rio) que estão postando mensagens no forum oficial do site procurando informações sobre as categorias de base. Eles querem fazer testes, saber quando é o próximo peneirão.
Vou colocar aqui algumas mensagens que estão lá:

faser teste

eu jogo de meia sol muito rapido e sei faser muitos dibress nasci em 1990 e espero ter uma chance espero conseguir enfim sou muito abilidoso

worle severino mda silva

categoria de base

Quando que vai ser o penerão do abc, horàrio e o local do juvenil? obrigado!24/12/07

alanderson teixeira da silva

teste

Boa tarde e feliz natal! Sou o Bruno, nasci em 1988 no rio de Janeiro onde moro e gostaria de saber se tem a possibilidade de eu fazer um teste aí no Abc? Desde já grato e muito obrigado!

Bruno Serrão

QUERO JOGAR NO ABC

QUERO FAZER UM TESTE NO ABC,TENHO 15 ANOS LEMBRANDO QUE JA JOGUEI NO BAHIA E NO VITÓRIA F.C POR 1 ANO SOU MEIO CAMPO.TEL/(71)36219146

HENRIQUE

Isso tudo se deve ao sucesso do Mais Querido, tanto em campo (estadual, série B) quando fora dele (Frasqueirão, Complexo Vicente Farache, estrutura). Sem falar nos exemplos deixados por Wallyson e Nêgo. O ABC passa a ser um clube bem visto para formação de categorias de base.
Diretoria, vamos divulgar, ampliar os peneirões. O correto seria deixar no site oficial um endereço (email, telefone, formulário) para que esses contatos sempre existissem. Não vamos perder garotos bons de bola!

quarta-feira, 26 de dezembro de 2007

Marcelinho e Ricardo Bosco, os novos contratados

Para muitos, desconhecidos. Para a comissão técnica/diretoria do ABC, quase que certo, não.
Marcelinho, volante, realmente atuou na derrota do Crac frente ao ABC, em Natal. Lembra do enjoado time do Crac? Pois é, ele estava lá. Nem o site do Crac traz a foto do novo jogador do ABC, mas encontrei essas ai, Marcelinho está com o uniforme do Crac, com a posse da bola, e sentado a direita no gramado.
Já Ricardo Bosco, esse ai nem a Internet ajuda...
Ele foi contratado pelo Barueri, logo após a quarta colocação na serie C de 2006, e a consequente ascensão à serie B. Jogou o ano inteiro pelo Barueri, e saiu exatamente agora, pro ABC. Na Internet, vemos que ele participa bem de lances de gol, com cruzamentos à área. Normalmente esses lances de gol são no primeiro tempo, e como ele tem 27 anos, pra ser um ala tem que está bem em forma. Até pq ele está substituindo Nêgo, que além de ter um fôlego enorme, participava bem do ataque, infiltrando-se pela diagonal do campo, confundindo a marcação do adversário.

ABC e Vila Nova, no Frasqueirão ! Primeiro jogo na série B

Na primeira rodada da série B de 2008 já pegaremos um time conhecido, o Vila Nova. No último confronto no Frasqueirão, saímos com uma vitória maiúscula por 4x0.
O jogo será no sábado ou domingo, dias 9 ou 10 de maio de 2008.
O Campeonato Brasileiro da Série B, com 20 clubes e 38 rodadas, começa no dia 9 de maio e tem a última rodada com todos os jogos no sábado 29 de novembro.
Veja tabela completa da série B em:
http://www2.uol.com.br/cbf/destaques/tabelaserieb2008.htm

segunda-feira, 24 de dezembro de 2007

Retrospectiva tecnológica de 2007

Como pontos fortes da tecnologia nesse ano, tanto a Veja (especial Veja Tecnologia) quando o site UOL citam o telefone IPhone da Apple e a TV digital como os campeões de tecnologia (ver: http://noticias.uol.com.br/ultnot/retrospectiva/2007/materias/tecnologia.jhtm).
Mas, eles falam que são tecnologias ainda não acessíveis. Eu discordo!
O IPhone está desbloqueado. Até no Mercado Livre vc já compra o telefone da Apple já há uns 6 meses. Ele está custando algo em torno de R$ 1500,00 (nesse preço ele está barato). Qualquer valor acima disso, é lucro maior para o vendedor/intermediários. Vejamos o pq: Nos EUA o Iphone 8Gb custa US$ 399.00. Trazido para o Brasil de forma legal, com 60% de imposto de importação, ao dolar de 1.85, ele chega a um preço de R$ 1.200,00. Mas ele chega bloqueado. Se vc não quiser desbloquea-lo sozinho (já está mais fácil fazer isso agora), vc pagará uns R$ 200,00. Isto é, líquido (sem lucro pro vendedor) ele está chegando ao Brasil por R$ 1.400,00. Mas claro que os vendedores estão trazendo em imposto, por contrabando...mas isso é outra história.
Vale a pena comprar um IPhone? Claro que vale! É show mesmo! Um aparelho de tecnologia até então vista em filmes como Minority Report. Tem seus contras? Também tem! Ele não manda MMS (SMS multimídia), não filma, e ainda não vem com 3G. Mas os prós dele são fantásticos.
Sobre a TV digital, isso é que está meio mal explicado. TV digital já temos há muito tempo. A Sky e DirecTV são digitais. A Net em algumas capitais também já é. O que está chegando agora, é a TV de Alta Definição - HDTV - que, claro, é também digital.
Finalmente vamos poder aproveitar as TV de Plasma e LCD na sua total tecnologia. Os DVDs já chegam perto, mas com a HDTV vai ser um salto bem maior de qualidade.
Pra mim, o HDTV (diferente do IPhone) ainda não é uma tecnologia campeã de 2007, mas será em 2008.

sábado, 22 de dezembro de 2007

Alexsandro do CSA pode ser o novo atacante do ABC

Se Bebeto (ex-Gama) está sem clube e não se sabe se está sendo contratado pelo Mais Querido, um outro atacante também tem nome sendo veiculado com possível contratação com o ABC: Alexsandro, do CSA.
Alexsandro, que é chamado de "Talismã" por parte da torcida azulina, tem 26 anos e foi revelado pelo próprio CSA, mas estava jogando essa série C emprestado ao Coruripe.
Dia 11 desse mês o CSA anunciou a renovação de contrato do jogador, que estava sendo pretendido por vários clubes. Entretanto, parece que agora a coisa mudou de rumo.
Ontem, em um jornal de Alagoas, o presidente do CSA declarou que o clube está finalizando um acordo com o ABC. Na negociação, o clube anteciparia a rescisão de contrato de Alexsandro em troca de três atletas do Mais Querido.
De acordo com o presidente alagoano, dos três jogadores que seriam trocados por Alexsandro, dois deles seriam emprestados e um terceiro ficaria em definitivo com o CSA.

sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

Novo formato do blog

Como estamos entrando em um novo ano, e grandes coisas aconteceram neste ano que está findando, resolvi mudar a cara do blog. Nada melhor que as cores preto, branco e amarelo para impactar o leitor - as cores do Mais Querido. O ano de 2008 promete notícias ainda melhores. Portanto, vamos chutar essa bola pro gol. Que 2008 seja, no mínimo, o que foi 2007 - um ano de vitórias, de ascensão e de muitos títulos!

Bebeto já não é mais do Gama

Bebeto já não está mais entre os relacionados no elenco do Gama-DF. Se ele não está acertando com o ABC, então está acertando com outro time, pq do Gama ele já não é mais!
"Acertamos com Ademir, lateral direito, Digão, lateral esquerdo e Ésley, meio-campo. O Dendel, caso não acerte sua transferência para o futebol dos Emirados Árabes, fica", falou Wagner Marques, superintendente de futebol do Gama.
Esse 3 nomes são os únicos jogadores do atual elenco do Gama que ficam para a temporada de 2008.
Presidente Judas, traz Bebeto de volta. O cara joga muita bola! Fui assistir a jogos do Gama nessa série B e ele continua como foi no ABC: jogando bem, dando excelentes assistências ao centroavante do time. No Gama, Val Baiano, centroavante, foi artilheiro da série B. Advinha se não foi por causa de Bebeto?
Lembro que quando Bebeto saiu do ABC, disse "estou querendo jogar a Serie B, não quero ficar parado, estou pronto pra jogar muito". Quer motivo maior pra trazer de volta o garoto que brilhou ao lado de Wallyson?

Cléber, do Bahia, falece aos 31 anos por causa de um angioma

Depois da constatação da morte cerebral, a família do jogador optou pela doação de órgãos e, conseqüentemente, o desligamento dos aparelhos que o mantinham vivo, decretando, assim, seu falecimento na tarde desta quinta-feira. Amanhã, o corpo deve ser transladado para Novo Hamburgo (RS), onde o jogador nasceu. A direção do Bahia comprometeu-se a arcar com o transporte e com as passagens dos familiares que acompanhavam o jogador.

Fonte: Agencia Estado

quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

Valdir Papel quer a Série A

De passagem por Natal para assinar o contrato recém-acertado com o ABC, o atacante Valdir Papel foi apresentado à imprensa na tarde desta terça-feira (19), no Complexo Esportivo Vicente Farache, em Ponta Negra. Animado por mais uma vez jogar num "time de massa'', o jogador campeão da Série C pelo Bragantino - e que já defendeu clubes grandes como o Vasco da Gama e o Sport de Recife - veio decidido a brigar pelo título do Estadual, fazer uma boa campanha na Copa do Brasil e até lutar por uma vaga na elite do Brasileiro.
"Já cheguei em duas semi-finais da Copa do Brasil (Vasco e Sport)", brincou Papel, ressaltando que manter a base do time que jogou este ano é um passo importante para as conquistas em 2008. "Fazer um bom Estadual já dá uma boa base para o Brasileiro." O atacante acredita que o ABC tem estrutura para conquistar uma vaga na Série A. "Tem muito clube de Série A que não tem essa estrutura que o ABC tem", comentou.
Vestindo a camisa do ABC, Valdir Papel falou da emoção ao ver de perto pela primeira vez o Frasqueirão lotado, no último jogo da Série C, quando o Bragantino sagrou-se campeão mesmo perdendo por 2 a 1 para o ABC. "Eu estava no banco e fiquei arrepiado quando a torcida do ABC gritou 'é campeão", lembrou. Na ocasião, além do título do Bragantino - garantido pela combinação de resultados - o alvinegro potiguar conseguiu subir para a Série B de 2008.
Sobre o técnico Ferdinando Teixeira, a quem o atacante jogou apenas como adversário, Papel qualificou de "excelente treinador", ressaltando que sua maior virtude é ser disciplinador. "Quem não conhece Ferdinando no Nordeste?", disse. Quanto ao novo elenco, ele comentou que jogou apenas com Alan, no Ceará; e Ivan, pelo Bandeirantes de Pernambuco.
Natural de Fortaleza, Valdir Bezerra Lima, 28 anos (o apelido, segundo ele, é por causa do porte físico) começou a carreira no Calouros do Ar, em sua cidade natal. Além de Vasco, Sport e Bragantino, atuou pelo Uniclínica (CE), Guarani de Sobral, Guarani de Campinas, Bandeirantes (PE), Dourado do México, Vitória (BA) e Madureira (RJ).

ABC pode anunciar mais um atacante nesta quinta

Além do jogador Valdir Papel (ex-Bragantino), o ABC pode anunciar o nome de mais um atacante durante a apresentação do elenco, nesta quinta-feira (20), às 15h. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa do clube, na tarde desta quarta-feira (19), durante a apresentação de Papel, que esteve em Natal para assinar o contrato com o alvinegro.

Fonte: Diário de Natal

Disputa dor Audálio ganha expressão nacional

O chato dessa confusão criada pelo time de Parnamirim é que isso está ganhando repercussão nacional. Revistas como Placar e o Jornal O Lance já destacam essa confusão.
Brincadeira! Mas é só assim que o américa ganha espaço na mídia...

Eureka é do ABC em 2008

Lendo o blog de Marcos Lopes, vejo a notícia da renovação do contrato da Eureka, por parte do ABC:

Recebi ontem a noite a confirmação do Diretor de Marketing do ABC, Cláudio Porpino que o contrato com a Eureka já está renovado para a série B. Na presença de Tertuliano Pinheiro, Porpino disse que "seria uma injustiça não renovar o contrato com a Eureka".

A Eureka foi um grande parceiro do ABC nesses 2 anos passados. E o ABC fez exatamente o que fez com os jogadores: quem é bom e deu certo em 2007 renova, quem não foi bem, cai fora.
A Eureka foi muito bem! Parabéns ABC. Parabéns Eureka.

terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Entrega do prêmio Dez na Rede AO VIVO

Para quem estiver na internet AGORA: acompanhem a entrega do prêmio DEZ NA REDE - Os melhores do ano - ao vivo!
Site: http://www.deznarede.com/
Vários ABCdistas ilustres presentes. Claro, o ABC ganhou tudo esse ano. Clodoaldo Silva está sendo o apresentador, e Wallyson o maior agraciado.

O prêmio

Diversas modalidade de esportes estão sendo lembradas na noite. Claro que Wallyson foi o maior homenageado. Clodoaldo Silva falou que assim que desceu do avião vindo do Rio de Janeiro, foi direto pro Frasqueirão assistir a vitória do ABC frente ao Bragantino. Ele ainda falou que "até agora o zagueiro do Bragantino está procurando a bola que Wallyson driblou e fez o gol da vitória". Judas Tadeu, Alberi, Ferdinando Teixeira, Cláudio Porpino e o Frasqueirão - obviamente - também foram homenageados.

A revista edição especial sobre o ABC

Também está sendo feito o lançamento da revista oficial do evento: a Revista DEZ. A publicação potiguar especializada em esportes trará perfil de todos os atletas e empresas ganhadoras. Os leitores ainda encontrarão um suplemente especial sobre o ABC com pôster da conquista do alvinegro. Esta edição especial estará nas bancas de Natal e Mossoró a partir de quarta-feira (19), ao valor de R$ 6,50.

Mais um clube faz parceria com o Atlético-PR

O Atlético-PR mantém a proximidade com os clubes do Nordeste brasileiro. Em 2007, a equipe estabeleceu uma parceria com o Sport, onde alguns atletas foram trocados e, após o fim do acordo, no último fim de semana, anunciou que o Náutico é o novo parceiro.
Os dirigentes de Atlético-PR e Náutico se encontraram no último fim de semana e concretizaram um acordo de intercâmbio de atletas. Segundo informações, o time do Paraná já apresentou uma lista com 19 jogadores ao novo parceiro e a direção do clube pernambucano acenou com a intenção de ficar com cinco ou seis jogadores.
São todos atletas com pouco espaço para mostrar seu futebol no Atlético-PR, mas que interessam à comissão técnica do Náutico. Em caso de valorização e venda para o exterior o Atlético-PR fica com a maior parte e o time de Recife recebe uma indenização.
Os dois primeiros jogadores a acertar com o Náutico foram o volante Ticão e o meia Marcelinho. Mas a expectativa é que outros atletas desembarquem em Recife nos próximos dias. O atacante Geílson, o goleiro Vagner e os laterais-esquerdos Ivan e Davi interessam ao clube nordestino.

Fonte: Cidade do Futebol

segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

Lau no Londrina

A quem interessar possa: Lau foi contratado pelo Londrina. Leia matéria do site FutebolnaRede:

O LEC anunciou neste sábado a contratação de mais um reforço para a disputa do Campeonato Paranaense 2008, onde o Alviceleste vai buscar a sua vaga na Série C. Em razão dos problemas que envolvem a não permanência do volante Carlão (com problemas familiares em São Paulo, onde mora), o vice de futebol do LEC Adir Leme confirmou o acerto com o volante Lau, de 33 anos. Ele estava no grupo do ABC de Natal, que disputou a Série C neste ano e deve se apresentar na próxima segunda-feira ao LEC.

domingo, 16 de dezembro de 2007

Copa SP de futebol de juniores

A copinha de juniores começa, para o ABC, dia 6 de janeiro de 2007. O grupo do Mais Querido tem o ABC, Barra do Garça/ MT, Nacional/SP e Santos/SP. E já começaremos no grupo jogando contra o time da Vila.
O Santos, no seu time sub-20, acaba de ser campeão paulista desse ano. O grupo que jogará com o ABC é quase o mesmo que foi campeão. Apenas 5 jogadores estão com idade acima e não jogarão. O goleiro titular e o artilheiro do time são 2 deles, e não jogarão na copinha. Mas isso não é para já ficarmos aliviados, pois o Santos possui um bom meia-esquerda, Tiago, camisa 10, e um bom ala esquerda também(acho que também se chama Tiago). O ABC precisa cobrir bem esses espaços. O time do Santos joga direitinho e só com um belo esquema tático e, claro, habilidade de nossos jogadores, conseguiremos a vitória na primeira rodada.
Veja os jogos do ABC:

1a rodada - 6 de janeiro (dom)14h - Nacional x Barra do Garça16h - Santos x ABC
2a rodada - 10 de janeiro (qui)14h - Nacional x ABC16h - Barra do Garça x Santos
3a rodada - 13 de janeiro (dom)9h - ABC x Barra do Garça14h - Nacional x Santos

A base de nosso time é forma por: Wellington, João Paulo, Renê, Clayton, Raniere; Sorato, Jonatan, Márcio Júnior; Wladimir, Patané; Dedé. Clayton e Patané são talentos emprestado pelo Alecrim FC (Blog Carlos Magno).
Wellington, Renê, Jonatan, Márcio Júnior e Danilinho já assinaram contrato com o ABC antes de viajar, para evitar os "comerciantes" de plantão.

sexta-feira, 14 de dezembro de 2007

Valdir Papel, Ronildo e Alysson

Waldirgly Bezerra Lima, o Valdir Papel, nasceu em Fortaleza em 12 de julho de 1979, e atua como atacante. Jogou no também Dorados de Culiacán, do México, em 2005 e retornou ao Brasil em 2006 para o Estudiantes-PE. Destacou-se no Campeonato Pernambucano do mesmo ano sendo vice-artilheiro e foi contratado pelo Vasco da Gama em abril daquele ano. No Vasco, Valdir Papel tinha poucas oportunidades de jogar. Contudo, o técnico Renato Gaúcho escalou o atacante como titular no segundo jogo da final da Copa do Brasil de Futebol de 2006, contra o maior rival do clube, o Flamengo, em pleno Maracanã. Valdir Papel, ainda no início do primeiro tempo, fez uma falta violenta em Leonardo Moura. Acabou sendo expulso da partida e no caminho do vestiária foi empurrado por Renato Gaúcho, que estava bastante irritado. O Vasco, que precisava vencer por 2 gols de diferença para levar o jogo para os pênaltis ao menos, terminou com o vice-campeonato. Valdir Papel, no dia seguinte, ainda foi humilhado publicamente pelo presidente do clube Eurico Miranda. Devido aos problemas, transferiu-se para o Vitória-BA, onde jogou o Campeonato Brasileiro Série C.
Em 2007, assinou com o Madureira Esporte Clube. Na estréia do Campeonato Carioca de Futebol de 2007, Valdir Papel voltava ao Estádio do Maracanã pela primeira vez após a final da Copa do Brasil. O atacante marcou dois belos gols contra o Botafogo: um de cobertura sobre o goleiro Max e outro driblando o zagueiro Asprilla. No segundo semestre, ele passa a jogar pelo Bragantino, onde faz 5 gols e leva o time paulista ao título de Campeão Brasileiro da Série C.


Ronildo dos Santos tem 31 anos. Meia-esquerda habilidoso, nasceu em Pimenta Bueno-RO. Era o maestro do time do Crac nesta série C, e até fez um gol no ABC esse ano. Chegou a participar da seleção da série C divulgada pelo site FutebolInterior algumas vezes.









Nome Completo: Alysson Ramos da Silva
Data de Nascimento: 06/03/1978
Naturalidade: Serrinha - BA
Peso: 72.0 kg
Altura: 1.71 m
Posição: Lateral Esquerdo
Domínio perfeito da posição, qualifica no apoio, recompõe rápido e ótimo chute.
Clubes onde atuou:
Fluminense – BA
Unibol – PE
São Bento – SP
Botafogo – PB
Nacional de Patos – PB
Treze – PB
Caldense – MG
Ipatinga - MG
Vera Cruz - PE
Vitória - BA

Posteriormente, trarei informações sobre Audálio e Fábio Costa

ABC contrata cinco reforços e confirma renovações

Em entrevista coletiva, na tarde desta sexta-feira (14), no auditório do Complexo Esportivo Vicente Farache, o presidente Judas Tadeu anunciou os primeiros cinco reforços para a temporada 2008. Os principais nomes contratados foram o do atacante Valdir Papel, autor de cinco gols no Campeonato Brasileiro da Série C pelo Bragantino e a do meia Ronildo, que atuou pelo Crac-GO.
Também foram anunciados o ala-esquerdo Alysson, de 22 anos, do Vitória da Bahia, o volante Audálio e o meia Fábio Costa, ambos do Coruripe de Alagoas. O dirigente alvinegro Judas Tadeu aproveitou a coletiva para confirmar a renovação contratual com o zagueiro Ben-Hur, o ala-esquerdo Rogerinho e o meiocampista Jean.
De acordo com Tadeu, o acerto final com Ben-Hur só foi possível em virtude do apoio recebido pelo ex-presidente Paiva Torres. ``No ABC temos que ter responsabilidade financeira e a negociação com Ben-Hur só deu certo, porque Paiva Torres assumiu em completar a diferença da reivindicação salarial do jogador e seu procurador'', explicou o dirigente.
Quanto a Rogerinho que estava de viagem marcada para o Treze de Campina Grande, a negociação ocorreu momentos antes da coletiva. ``Fechamos com Rogerinho agora a pouco, clube e atleta chegaram num consenso, faltando apenas pequenos detalhes'', divulgou o presidente alvinegro. No balanço final, apenas dois jogadores considerados importantes nïo renovaram.
JUNINHO
Os meias Juninho Petrolina e Éder apresentaram propostas fora da realidade financeira do clube e a diretoria achou melhor substituí-los por Fábio Costa, de 28 anos e que disputou a Série C pelo Coruripe, além de Ronildo, que segundo Ferdinando Teixeira dispensa comentários. ``São dois grandes meias, principalmente Ronildo que já passou pelo Atlético-MG e neste ano marcou um gol contra o ABC, pelo Crac'', comentou.
NÊGO
O futuro do ala-direito Nêgo deverá ser a venda definitiva para o Atlético-MG ou o empréstimo para o Atlético-PR. Conforme Tadeu, o clube mineiro ofereceu R$ 150 mil parcelado em três vezes, pelos direitos federativos do jogador, mais um reforço de R$ 150 mil no prazo de seis meses, além de 40% do passe para o ABC. Já o clube paranaense solicitou o empréstimo do jogador, ofertando R$ 400 mil por um ano. A definição ocorrerá na próxima semana.

Fonte: Diário de Natal

Quem serão os anunciados? Quem será vendido?

Nêgo vai pra qual Atlético? Ou fica no ABC?
Quem vem? Leandro Sena? Alex Oliveira? Ambos, dificilmente.
Rosembrick? Anailson? Valdir Papel?
E Bebeto, volta ao ABC?
Buick está contratado?
A novela Ben-hur terá um final feliz?
Tudo deve ser esclarecido hoje a tarde.

Site do Fortaleza anuncia contratação de Ben-hur

12/12/2007 - 18h10
FORTALEZA CONTRATA ZAGUEIRO BEN-HUR


No fim da tarde desta quarta, o Tricolor de Aço acertou a contratação do zagueiro Ben-Hur, que fez parte do elenco do ABC/RN no retorno do clube à Série B.

Veja a ficha do atleta:

Nome: Ben-Hur Moreira Peres
Data de Nascimento: 12/05/1977
Local: Bagé/RS
Altura: 1,82m
Peso: 74kg
Clubes Anteriores: Guarani/RS, Tubarão/SC, Brasiliense/DF, União São João/SP, Ituano/SP, Treze/PB, Ulbra/RS, CRB/AL, Coruripe/AL e ABC/RN.

Especulações devem ter um fim hoje

ABC apresenta o plantel 2008 nesta sexta-feira
Depois de uma semana de especulações, finalmente, o ABC apresentará o plantel para a temporada 2008. A apresentação dos nomes será nesta sexta-feira (14) à tarde, às 15h30, no auditório Hernani da Silveira, no Complexo Esportivo Vicente Farache. Na lista dos prováveis reforços podem constar nomes como o meiocampista Buick e o do atacante Valdir Papel, mas o que a Frasqueira quer ouvir é a confirmação da renovação com o capitão Ben-Hur.A negociação da diretoria alvinegra com o zagueiro estendeu-se durante a semana, ganhando força na noite da última quarta-feira, quando o site oficial do Fortaleza publicou a contratação do jogador. Mas o procurador de Ben-Hur, o ex-atleta Dario, não confirmou o acerto, garantindo que a prioridade na contratação por mais um ano continua sendo do clube potiguar.Nesta quinta-feira (13), em novo contato por telefone com o Diário de Natal, Dario disse que o acerto estava muito próximo. ‘‘O presidente Judas Tadeu apresentou uma nova proposta e assim que entrar em contato com Ben-Hur que viajou para Santa Catarina poderei dar a resposta’’, disse o procurador. Dario também confirmou o interesse do São Caetano. A pedida do jogador, segundo fontes ligadas ao clube, é de um salário de R$ 15 mil no Campeonato Estadual e um reajuste de R$ 5 mil para a disputa da Série B.
Incomunicável desde o início da semana, o presidente Judas Tadeu passou os últimos dias em Recife, tratando de assuntos particulares e da contratação dos reforços. A principal preocupação do dirigente é com o substituto de Wallyson, o artilheiro e ídolo da Frasqueira deixou uma responsabilidade grande nos ombros da diretoria que já cogitou trazer de volta Bebeto e depois a contratação de Valdir Papel, do Bragantino.
Do elenco que disputou a Série C, até o momento só foram confirmados as permanências de Raniere, Aloísio, Diego, Alan, Márcio Panda, Adelmo, Marciano, Ivan e Fábio Silva, além de Rodriguinho, Tiaguinho e João Paulo. O técnico Ferdinando Teixeira participa da coletiva nesta tarde.
O atacante Neto Potiguar estava praticamente acertado com o ABC, mas o novo técnico do Bahia, Paulo Comelli disse que queria contar com ele e barrou a negociação.

Alex Oliveira, Bebeto, Aleluia

A esperança da torcida alvinegra em ter o meia Alex Oliveira no ABC para a temporada 2008 está descartada. Um dos nomes que vinha sendo cogitados para o meio-campo do Mais Querido, o jogador renovou o contrato com Vila Nova (GO), por onde disputou a Série C este ano.
Agora, as especulações em torno dos reforços para a Série B são os ex-jogadores do alvinegro Bebeto e Reinaldo Aleluia, além de Valdir Papel, que disputou a Série C pelo Bragantino, e Neto Potiguar, reserva do Bahia na última temporada, com passagens pelo São Caetano e Gama. Outro que passou a ser cotado no ABC é Leandro Sena, que rescindiu o contrato com o arqui-rival América.
As dúvidas sobre as contratações e renovações devem ser exauridas nesta sexta-feira, quando o presidente Judas Tadeu dará uma entrevista coletiva para a anunciar as novidades.

Fonte: Diário de Natal

quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

Revista do ABC 2007

Muito boa a idéia do ABC lançar uma revista para comemorar todos os feitos de 2007. Eu mesmo estava pensando em escrever um pequeno livro com toda a campanha da série C desse ano. Mas já que o nosso grande time vai lançar um documentário próprio, recolho-me e deixo guardado toda a documentação que possuo para outra oportunidade.
No meu hipotético livro, o primeiro capítulo estava reservado para conquista do 49º título estadual. Em seguida viria toda a campanha da série C, com meus relatos e fotos.
Parabéns ao ABC por não deixar esse ano de 2007 passar sem uma boa documentação!

domingo, 9 de dezembro de 2007

Planejamento no ABC

Hj vi no SporTV uma matéria sobre o São Paulo F.C.
Todos sabemos que é um grande clube, talvez o mais bem sucedido dos últimos anos.
Qual o sucesso do time paulista? Planejamento! A longo prazo.
Vou dar dados apresentados hj no programa, e fazer uma analogia com o ABC!

  • O SP tem o melhor programa de tratamento médico/reabilitação de atletas do Brasil - o Reffis. Atletas de fora do SP (e de fora do Brasil) vêm fazer tratamento nesse centro. Adriano, da Inter de Milão, é o último exemplo. Atletas de outros times que passam pelo Reffis acabam por assinar contrato com o SP. Luizão e Amoroso fizeram assim.

O que o Reffis tem a ver com o ABC? Planejamento! O diretor do futebol do SP falou que eles pagam MUITO BEM para a equipe de fisioterapia. O que seria do SP se Rogério Ceni se machucasse esse ano? Com o Reffis, um tratamento que fora do CT paulista demoraria 2 meses, no Reffis o mesmo jogador fica bom em 1 ou 2 semanas. Milagroso? Não! Apenas planejado. Médicos estilo "Dr. House"? Também não. Equipamentos de ponta, treinamento muscular e cardiorespiratório ANTES de se machucar, diário, pensado, aliado a um excelente pós-tratamento. No ABC, Wallyson ficou fora dessa reta final uns 3 jogos, e mal fisicamente outros tantos. Jean também fez grande falta ao alvinegro. Lembram de Peu no início do estadual, em quanto tempo ele ficou pronto? Muito! Não conheco a equipe técnica de fisioterapia por trás do ABC, não sei como o ABC remunera esses profissionais e quanto tempo eles ficam em Ponta Negra (será que só vem quando acontece alguma lesão, ou ficam lá 40 horas por semana), portanto não vou opinar sobre isso. Mas seria de extrema importância o ABC ter um sistema semelhante ao Reffis. Muito caro? Não. Necessário? Com certeza.

  • O Centro de Treinamento de Cotia-SP é o mais novo e moderno do pais. Construído pelo atual presidente - Juvenal Juvêncio - ele estava TODOS OS DIAS na obra, sábados e domingos. O CT de 20mil hectares custou algo em torno de 20 milhões de dólares. O primeiro jogador formado no CT que chega ao time principal é o zagueiro Breno, que está orçado para ser vendido por 18 milhões. Isto é, um só jogador já pagou todo o CT. Imagina quanto que eles vão lucrar daqui pra frente.

No ABC temos nosso grande centro de treinamento. E já revelamos nomes como Wallyuson, João Paulo, Danilo, Rodriguinho, a agora Gabriel. Temos que buscar bons jogadores jovens fora também. Essa tarefa é dos dirigentes, conselheiros, mas também de todo ABCDistas. Caso alguem conheça algum moleque bom de bola, convida ele para ir a um treino das categorias de base do ABC. Se o moleque não tiver grana para transporte, alimentação ou coisa parecida, eu mesmo me compromento a arcar com as despesas do garoto, sem nenhum compromisso. Esse comportamento deve ser de todo alvinegro que quer ver nosso time campeão.

  • Pensamento a longo prazo. Valdir Espinosa foi contactado por Milton Cruz (auxiliar técnico do SP) para opinar sobre a contratação de um jogador. Espinosa falou que "esse jogador não está pronto agora, mas apenas no próximo ano". Milton falou "mas é exatamente para um ano que eu quero esse jogador". Quem pensa assim? O São Paulo.

Para o ABC, contratar jogadores "quase-prontos" e colocá-los nas categorias de base é uma grande jogada. Esses são contratados por uma valor menor e, uma vez "maduros" vão dar frutos ao ABC e passam a valer muito mais. É um grande investimento! Vimos ai, no Baraúnas, bons jogadores que podem se tornar excelentes jogadores. Isso não tem só no Baraúnas, mas em todos os lugares. Acham melhor ter jogadores "quase-prontos" ou ter "Laus" em campo?

  • O São Paulo, a cada ano mantém grande parte do elenco. A prioridade é renovar os contratos com os melhores jogadores, o que deram certo. O entrosamento, assim, torna-se perfeito, e apenas os novos jogadores contratados e os que sobem da base passam a encaixar no time "já modulado".

Estamos, no ABC, vivendo exatamente esse dilema. As renovações de nossos principais jogadores devem ser efetivadas. Wallyson vai deixar uma grande lacuna. Precisamos de um reforço a altura. Da base? Nova contratação? Isso tem que ser tudo planejado. Mas a espinha dorsal precisa existir.

Por fim, como anda a parceria entre o ABC e o Atlético-PR? Essa parceria envolve apenas jogadores? Sei que nossa comissão técnica foi ao Paraná para conhecer de perto como funciona o planejamento de um grande clube. Isso já foi colocado em prática? O quanto disso foi colocado em prática? Do lado deles, tudo de bom: levaram Wallyson, levaram Didi Duarte, estão quase levando Nêgo. E do nosso lado?

sexta-feira, 7 de dezembro de 2007

O natal de uma criança ABCdista

Plagiando Juca Kfouri, vou transcrever a carta de uma criança torcedora do ABC, enviada ao Papai Noel:

"Querido Papai Noel:
Não quero mais nada!
Muito obrigado".

Descaso das TV a cabo/satélite

Eu assino a Net e já tive Sky em épocas passadas. Então tenho o direito e conhecimento suficientes para dizer o seguinte: eles são muito ruins de tecnologia; ou então não ligam a mínima pra nós, cliente.
O HDTV chegou. Já está funcionando, e bem, em São Paulo. No próximo ano, já funciona em outras capitais do país. E essa transmissão é de graça! É a mesma Globo que pegamos pela anteninha VHF (nesse caso, a Globo e outras emissoras que estão oferecendo HDTV, vem por UHF), mas com BEM MAIS qualidade de imagem, em Widescreen e com som Dolby Digital 5.1.
E pq a Net/Sky/DirecTV/MaisTV/Cabo não fizeram isso ainda? Não sei!
Tecnologia e dinheiro (o nosso) eles já possuem. Não fazem pq não querem!
A Net/Sky já vende em Payperview filmes em widescreen e som 5.1, e durante a copa do mundo EU ASSISTI A TODOS OS JOGOS também em widescreen e 5.1. Simplesmente fantástico!
Pq todos os canais já não são assim? Alguns já são. Os filmes da HBO já são em 5.1, dá pra ouvir em som de cinema.
Mas todos os outros canais já poderiam ser enviados em widescreen. Pq não? Duvido que a Net/Sky não recebem isso em Widescreen. Todo mundo já tem TV de plasma e LCD em casa, e fica vendo imagens deformadas de 4:3 em pela 16:9. Que merda!
O fato é o seguinte: o governo chegou com a HDTV e atropelou a Net/Sky!

Axé Obá e Tatau do Araketu na festa do ABC

Tatau do Araketu fazendo uma brilhante participação com a banda Axé Obá que tocou no Trio Ovny na festa de subida do ABC Futebol Clube à Série B do Campeonato Brasileiro de Futebol:

Filme brasileiro ganhar "Oscar" do YouTube

"Laços" é o vídeo brasileiro vencedor do Oscar do YouTube. 20 finalistas foram escolhidos por um júri presidido pelo cineasta Jason Reitman (de "Obrigado por Fumar") para o "YouTube Project: Direct".
O concurso foi promovido pelo site, em parceria com a HP e o estúdio Fox Searchlight, para descobrir os "melhores diretores de cinema que existem entre os usuários".
O vencedor receberá um convite para participar de um festival de cinema nos EUA, com despesas pagas, além de US$ 5 mil e a possibilidade de ver seu vídeo sendo exibido na página principal do YouTube dos países participantes.
Veja o drama brasileiro campeão:

terça-feira, 4 de dezembro de 2007

2007 foi bom? 2008 vai ser melhor

E digo o porquê:
  1. O ABC está na série B. Com a renovação dos principais jogadores de 2007, vamos manter um mínimo de entrosamento para já começar 2008 com a bola cheia. A contratação de jogadores no mesmo nível ou melhores que Alan, Petrolinha, Éder, Wallyson é necessária. O aproveitamento dos bons nomes revelados como Danilinho, Rodriguinho e João Paulo também. Essa mistura entre pratas da casa, promessas, e jogadores com experiência é que faz um time vencedor.
  2. O Frasqueirão é outro trunfo extremamente importante. Vencemos todos os jogos e empatamos apenas um em toda a série C. É um verdadeiro alçapão. Com a construção do módulo 4, a pressão vai ser ainda maior. Não tenho dúvida que venceremos quase todos os jogos em casa, como foi em 2007.
  3. Em 2008, teremos a série B, o Campeonato Estadual e a Copa do Brasil. A Série B e o estadual são campeonatos muito importantes e temos que dar foco total. Mas chamo a atenção da Copa do Brasil. Essa Copa, comparado com a Série A, é relativamente mais fácil de se chegar a uma final. São muitas as razões. Primeiro já temos a exclusão dos que jogam a Libertadores. Então, São Paulo, Cruzeiro, Santos, Flamengo e Fluminense não jogam. Outros grandes times do Brasil jogam, claro, mas é em sistema de mata-mata. O ABC jogando, não vai pegar todos os times grandes. No máximo uns 3. Eu não vejo competição mais fácil para se chegar à uma Libertadores. O ABC já chegou a uma quartas-de-final, com Ferdinando e Aleluia; o Treze a uma semi-final, O Brasiliense a uma final e o Paulista já foi campeão. O ABC precisa focar bem essa competição, e não fazer como fez ano retrazado com o Flamengo. Jogamos bem em casa, perdemos de apenas 1 a 0, e fomos pro Maracanã achando que tudo já tinha se perdido. Perdemos o jogo de volta, e esse mesmo Flamengo foi campeão. E o Flamengo só foi pegar um time grande na final, que foi o Vasco.
  4. Na Série B, vai entrar grana! A FBA dá a cada clube participante, 300mil reais no ano, e 26 passagens de avião para cada jogo fora de casa. Ainda temos os direitos de transmissão do SporTV e a Loteria Esportiva. Isso fora os patrocinadores, que devem se manter, e talvez conseguirmos outros. O que quero dizer com isso? Que na série C, não tinha nada disso ou muito pouco. Agora temos muito mais. Isso, fora o que entra em cada jogo em casa, no Frasqueirão, que como é nosso, entra quase tudo como líquido. Basta administrar bem essa grana, contratando - agora - 10 a 15 bons jogadores, e bola pra frente.
Vamos continuar subindo ABC!

domingo, 2 de dezembro de 2007

ABC se classificou com gols de penalty? Mentira! Vejam os dados!

Fiz um estudo sobre os gols do ABC nesta série C.
Os torcedores com dor de cotovelo vivem falando que o ABC se classificou com gols de penalty.
Vamos fazer as contas?

Foram 49 gols no total.
41 gols com o pé, 8 de cabeça.
Dos 40 com o pé, foram 7 de falta, 8 de penalty e 26 de jogadas concluídas com chutes ao gol.


Perai, então os gols de penalty foram na mesma quantidade que os gols de cabeça? Isso mesmo. Só os de falta foram menos. Isso quer dizer que o ABC fez apenas 16% dos gols de penalty, e 52% dos gols foram com a bola rolando.
O que isso quer dizer no atual estado do futebol brasileiro?
No estudo feito por Marcelo Barros, Marcelo Matta, Rafael Madeira e Rômulo Siqueira do site CidadedoFutebol.com.br, que analisa os gols feitos nas 19 primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro da Série A deste ano, estudo com o título "A influência direta do drible e da finta na marcação de gols", indica que a grande maioria dos gols foi feita de bola parada, seja de falta ou de penalty.
Vamos a mais dados:


Engraçado que a segunda tabela já começa com o outro time do RN (pq fez menos gols), e os dados informam que em apenas 3 gols tivemos dribles, e um total de 10 gols foram de bola parada.
Por fim, os autores do trabalho concluem o seguinte: Todos que acompanham o futebol com um mínimo de atenção conseguem perceber que a incidência de dribles e fintas tem diminuído. A pesquisa provou através de números que apenas 11,21% dos gols do primeiro turno do Campeonato Brasileiro de 2007 tiveram a influência direta desses fundamentos. É um número muito reduzido e preocupante. Especialmente se considerarmos que os gols de bola parada representaram mais de 60% dos gols.
A discussão dos fatos nos leva a crer que o futebol pode estar entrando em um caminho sem volta. Afinal de contas, certamente as cidades vão continuar crescendo, o treinamento físico vai ser cada vez mais intenso, os espaços serão cada vez mais reduzidos, alguns técnicos já profetizam esquemas sem nenhum atacante (o velho lobo Zagallo afirmou que esse será o “esquema do futuro”), os grandes craques, provavelmente, continuarão saindo do país, os zagueiros vão continuar inibindo os atacantes, a pressão do resultado será cada vez maior, etc.

Temos, portanto, no ABC, um time que fez 52% dos gols com bola rolando, indo em contradição com o que os caros colegas estudiosos do futebol escreveram.
Então, porque será que os "outros" torcedores do estado do Rio Grande do Norte batem tanto nessa tecla?
Agora, definitivamente, está provado que o ABC subiu à serie B com gols de bola rolando, com gols de Wallyson, em um total de 15 gols.
Anexei, tabela e gráfico comparando as fases da série C, com a participação do Mais Querido.



Por último, vamos mostrar como seria o campeonato da série C se fosse em pontos corridos:

PONTOS CORRIDOS:
1° Bahia - 63 pontos
2° ABC-RN - 61 pontos
3° Vila Nova-GO - 57 pontos
4° Bragantino-SP - 55 pontos
5° Crac-GO - 55 pontos
6° Atlético-GO - 54 pontos

VITÓRIAS:
1° ABC-RN - 19 vitórias
2° Bahia - 18 vitórias
3° Vila Nova-GO - 17 vitórias
4° Crac-GO - 17 vitórias
5° Bragantino-SP - 16 vitórias
6° Atlético-GO - 16 vitórias

E viva os gols de bola rolando!

Presidente da FBA saúda os novos integrantes da Série B

29/11/07 - Assessoria FBA

Bragantino, Bahia, Vila Nova e ABC garantiram vaga, nesta quarta-feira, 28, no Campeonato Brasileiro da Série B em 2008. Os quatro clubes conseguiram o acesso após uma disputa acirrada e emocionante na Série C. Animado com as novas presenças no ano que vem, o presidente da Futebol Brasil Associados (FBA), José Neves Filho, divulgou nota saudando os clubes.

“Será com muito respeito e satisfação que receberemos Bragantino, Bahia, Vila Nova e ABC para abrilhantarem ainda mais o Campeonato Brasileiro da Série B. São clubes de tradição e com extensa história no futebol nacional.

O Bragantino está de volta ao cenário esportivo após anos difíceis e seguidos rebaixamentos. O ano de 2007 deixou a população de Bragança Paulista orgulhosa e lembrou o time que surpreendeu o país inteiro no começo dos anos 90.

O Bahia tem uma torcida de massa e tem tudo para continuar sua reestruturação. Embora a tristeza pela morte de torcedores em seu último jogo na Fonte Nova esteja em nossa mente, não podemos esquecer as belas festas que sua torcida proporcionou ao longo de toda a Série C. Queremos ajudar o clube neste momento difícil e, mais uma vez, gostaríamos de nos solidarizar com as famílias das vítimas desta tragédia. Esperamos que o ano de 2008 seja só de alegrias para o cativante povo baiano.

O Vila Nova é outro clube que não pode ficar fora da Série B. Com uma torcida numerosa e apaixonada, o Vila será mais um representante do Centro-Oeste do Brasil. E o campeonato ganha muito com a utilização de um dos melhores estádios do país, que é o Serra Dourada.

Já o ABC fará com o América um dos clássicos mais tradicionais do Nordeste. Os dois clubes de Natal prometem lutar a cada rodada pela melhor posição, acirrando a sadia rivalidade existente. O Rio Grande do Norte vai parar em 2008!

É com o espírito do progresso que estes times demonstraram ao longo da Série C que desejamos continuar fazendo o Campeonato Brasileiro da Série B. O ano de 2008 está chegando e com ele a certeza de que estamos no caminho certo. A FBA abraça com muito orgulho os novos participantes da Série B. Sejam bem-vindos!”.

sexta-feira, 30 de novembro de 2007

Queremos Pantico e outros mais

Já estão bastante adiantadas as negociações com o bom jogador Pantico, do Barras-PI. Muito provavelmente ele já joga pelo ABC na próxima segunda contra o próprio Barras.
A partida ficará marcada como a despedida do atacante Wallyson, que estará defendendo o Atlético-PR na próxima temporada. Além disso, a partida servirá para arrecadar fundos para o pagamento do prêmio dos jogadores do ABC e de agradecimento ao Barras, pela hombridade na última rodada da Série C.
Mas temos que já começar a falar em contratação.
Muito boa, se for confirmada, a contratação de Pantico. E isso tem dedo de Poty Junior, que estava em Teresina nesse meio de semana, nesta última rodada da Série C.
E os nossos jogadores? Raniere, Aloisio, Nêgo, Jean, Alan, Ben-hur, Petrolina, Éder, Adelmo, Joassis, são todos jogadores que precisam ter o contrato renovado para 2008.
Vamos em busca de nossos ex-jogadores, como Bebeto, que deixou todos encantados aqui em Brasília. Lembro que Bebeto, quando saiu do ABC, saiu em busca de novos horizontes, crescer no futebol. Ele falou claramente que queria jogar "uma série B", tentar subir com um time.
A chance é agora. Tadeu, chama Bebeto de volta!

Frasqueirão em 3D

Vejam, que legal, a montagem em terceira dimensão do Frasqueirão no jogo contra o Bragantino. Créditos para Adrian!
http://www.inaball.com/images/abc.html

Foi dificil lá em Teresina

Poty Junior foi "escalado" para ir a Teresina, acompanhar o jogo do Barras contra o Atlético-GO. Ele foi nosso emissário, levandos os incentivos necessários para que a vitória do Mais Querido em Natal não fosse em vão.
Logo quando soube da vitória alvinegra, ele ligou para a Rádio Globo para mostrar seu contentamento com a classificação. Poty, informou que a pressão goiana era muito grande pra cima do Barras. Vários deputados, o vice-prefeito de Goiânia, e diversas autoridades estavam presentes no estádio Albertão. Felizmente, essa galera presenciou um time do Barras aguerrido, como sempre foi, e que nos deu a classificação tão suada nessa reta final.
Obrigado Barras, parabéns Poty!

quinta-feira, 29 de novembro de 2007

Gols de ABC 2x1 Bragantino

Fotos da vitória: por Carlos Santos

ADEUS SÉRIE C


Essas são as redes do estádio Maria Lamas Farache, o Frasqueirão. Redes que eu Alexandre, meu irmão Fábio e meu ilustríssimo pai, seu José Faustino Costa, doamos ao ABC! Nós não queríamos ficar fora da construção do estádio Frasqueirão. Pensamos e escolhemos o objeto que é a alegria do povo, da Frasqueira. "A menina vai pras redes..." já diz a canção! Nessas redes, Wallyson fez 4 gols do título no 49º Campeonato Estadual do RN, em cima do América. Nessas redes, Wallyson e Alan fizeram os gols que levaram o ABC de volta à série B, desde que caímos em 2001. Essas redes ainda nos darão muitas e muitas alegrias!

quarta-feira, 28 de novembro de 2007

Carnaval do ABC: texto de Sérgio Vilar

O carnaval chegou mais cedo para o Mais Querido. E nada de uma quarta-feira de cinzas e amarguras. O alvinegro ensinou o ABC do futebol ao Bragantino na noite desta quarta-feira (28) e assegurou uma vaga na segunda divisão do Brasileirão 2008 com um gol de falta do zagueiro Alan e outro do craque Wallyson. Os torcedores acreditaram no time, creditaram confiança e ditaram o ritmo do jogo nos dois tempos de uma partida movimentada no Frasqueirão.
As batidas do coração do torcedor que ficou de fora eram ritmadas pelo barulho da torcida. Lampejos menos estridentes significava a combinação de resultados desejada para a ascensão do ABC. Mas eis que uma multidão solta o grito preso e o torcedor fanático e liso do lado de fora vibra como uma criança. Liso porque os ingressos estavam sendo vendidos a R$ 2. O cambista “Ventola” pediu pra escrever: “Bote aí: cambista tão tudo com cara de choro por causa do prejuízo''. “Japonês”, cambista experiente, disse ter perdido R$ 2 mil.
Aos 45 minutos do segundo tempo ninguém arredou pé do Estádio. Um único torcedor apressado e com rádio no ouvido, disse que o juiz daria pelo menos mais cinco minutos de acréscimo. É o sofrimento dos cambistas espalhado em milhares. Mais um grito em uníssono e os fogos de artifício anunciavam o ABC na Segundona do Brasileirão. Ainda demorou para a torcida largar o Estádio e ganhar as ruas. Pelo menos uns dez minutos. Pareciam esperar a bandinha de frevo, do carnaval e a marchinha: “ABC clube do povo, campeão das multidões...''
E se atrás da bandinha só não vem quem já morreu, lá estava Marinho Chagas e seu copo de uísque. “Tudo que vem com sacrifício é mais gostoso. O juiz prejudicou o ABC. Se houvesse honestidade o número cinco do Bragantino seria expulso no primeiro tempo. Quando o juiz soube dos outros resultados da rodada, começou a dar cartão amarelo com muito atraso. Ele segurou o jogo. Mas está de parabéns Ferdinando, os jogadores e a torcida que é uma religião e merece, após seis anos, estarmos na segunda divisão'', disse Marinho. Se tinha recado para o americano e companheiro de Redinha Velha, Véscio, Marinho disse: “Véscio ‚ meu cumpade, mas diga que o meu subiu e o dele desceu”.
E se os torcedores estavam estéricos, os ambulantes com sorriso escancarado e a lojinha do ABC lotada, alguém estava contrariado. Preso no trânsito que tomou a Rota do Sol, o engenheiro Marcos Silvino foi pego de surpresa: “Nem gosto muito de futebol e se tenho mais simpatia por um time é pelo América. Devia ter imaginado a confusão''. Muitos motoristas, quando viam o ciclone preto e branco e o trio elétrico em sua direção, aderiam ao retorno. E se mais adianta o trânsito acalmava, um automóvel com portas abertas, com chassi arrastando no asfalto e lotado de torcedores e bandeiras passava: “Becê, becê”.
O ABC espalhou-se em bandeiras e buzinas pelas ruas, paradas de ônibus, janelas de casas e apartamentos e nos ouvidos de muita gente. Quando a festa terminar, ainda se ouvirá o eco: “Becê. Becê”. Lá do alto, a lua, imponente, assistia a tudo e refletia múltiplas luzes brancas na noite da cidade. E qualquer coincidência com as cores que pintaram a paisagem de Natal nesta quarta à noite não é mera coincidência.

Foto: Junir Santos

ABC vence por 2x1, e garante acesso à série B

E só podia ser com um gol dele Wallyson, Wallyshow, golaço do garoto que está indo embora.
Em jogo muito truncado, jogo que acabou aos 40 do segundo tempo quando o Bragantino soube que já era campeão, os gols só poderiam sair em jogadas de bola parada ou em lances isolados. E isso foi o que aconteceu.
Alan, grande Alan, com um petardo de longe abriu o placar no primeiro tempo. O Braga empata com Cris, ex-a.Parnamirim, já no segundo tempo. E Wallyson desempatou após receber um passe de Fábio Silva, que tinha acabado de entrar. Wallyson, claro, show a parte, dá um come no zagueiro que fica no chão, e chuta forte no canto alto do goleiro Gléguer, também ex-a.Parnamirim.
Com a vitória do Barras frente ao Atlético-GO, o ABC se classifica entre os 4 que vão a série B de 2008
A torcida no estádio, a torcida espalhada por todo o Brasil, a diretoria, todos estão de parabéns!
O Rio Grande do Norte amanhece muito feliz amanhã!
Parabéns ABC. Obrigado Wallyson, obrigado Alan, obrigado Barras (seremos eternamente gratos).

Com fé, raça, competência e a força da Frasqueira, o ABC está na Série B

Foi sofrido, como tudo que envolve o ABC Futebol Clube, com esse ingrediente que torna as nossas conquistas mais gratificantes, que na quarta-feira, 28 de novembro, no Frasqueirão, o Mais Querido derrotou o Bragantino (SP) por 2 a 1 e beneficiado pela vitória do Barras (PI) em cima do Atlético (GO), também por 2 a 1, garantiu o tão sonhado acesso à Série B 2008.

Foram 90 minutos de aflição. A torcida alvinegra mais uma vez lotou o Frasqueirão. Com os olhos no gramado e o ouvido no rádio, cada gol do Barras, marcado no estádio Albertão, em Teresina (PI), era comemorado como um gol alvinegro.

Com o time piauiense fazendo a sua parte, Alan e Wallyson, trataram de garantir o resultado aqui em Natal, e ao apito final do árbitro Wilson Souza de Mendonça, após seis anos longe da segunda divisão, a Frasqueira invadiu o campo e pode gritar: Ê, eu tô na Série B, eu tô na Série B, eu tô na Série B...

O jogo

Como todo jogo decisivo, a partida começou bastante nervosa e estudada entre as equipes. Com o apoio da torcida, que lotou o Frasqueirão, o ABC aos poucos foi tomando conta das jogadas ofensivas. Jogando no 5-4-1, o time paulista se fechava e tentava sair nos contra-ataques.

Aos 9 minutos, Wallyson sofre falta perigosa, mas na cobrança, Nêgo joga em cima da barreira. Bem fechado atrás, o Bragantino não permitia uma chegada mais forte do Alvinegro, que ansioso, pecava nas finalizações.

Em um dos poucos contragolpes do Alvinegro paulista, aos 19 minutos, a zaga ABCdista vacilou, Davi roubou a bola e tocou pra André Gaspar. Ele bateu forte à direita do gol, assustando Raniere e a torcida.

O jogo seguia truncado, até que aos 42 minutos, a Frasqueira pode soltar o grito de gol. Wallyson sofreu falta na intermediária. Alan foi para cobrança e mandou um “pertado” no canto direito de Gléguer, que nada pode fazer. 1 a 0 e festa no Frasqueirão. Nesse momento o Barras (PI) já vencia o Atlético de Goiás por 2 a 0.

Na volta do intervalo, buscando a conquista do título, o Braga vem melhor e começa a apostar nas jogadas aéreas. Aos 11 minutos, Nêgo é derrubado na área, a torcida pede pênalti, mas Wilson Mendonça manda seguir.

Aos 23 minutos, empate do Bragantino. Após escanteio cobrado da esquerda, Cris subiu mais alto e testou firme, sem chances para Raniere. 1 a 1 e silêncio no Frasqueirão, deixando a torcida apreensiva. O gol empolga os paulistas que vêem para cima e quase viram o placar aos 26. A zaga alvinegra por pouco não marca contra, tentando afastar o perigo.

Um minuto depois, apareceu a estrela do garoto Wallyson. Ivan puxou um contra-ataque rápido e tocou para o artilheiro do ABC nessa Série C, com 16 gols, que com a frieza dos grandes jogadores, deu um corte seco no zagueiro, que ficou sentado, e com categoria bateu colocado no ângulo, fazendo um golaço de craque, o segundo do Mais Querido, aliviando a torcida e dando início a festa.

Aos 35, um bate rebate na área do ABC, a zaga afasta o perigo. Acaba o jogo em Teresina, Barras 2 a 1 no Atlético de Goiás. Esse resultado, combinado a vitória do ABC, colocava o Alvinegro potiguar na Série B.

Termina CRAC (GO) 3, Bahia 2. Com esse placar, mesmo perdendo, o Bragantino é campeão. Com isso, no final do jogo, com o resultado bom para os dois times, os jogadores só tocaram a bola de um lado para o outro esperando o apito final.

Fim de jogo, Bragantino campeão e ABC classificado para a Série B. A torcida invade o gramado para comemorar com os “guerreiros alvinegros”.

2007, EVIDENTEMENTE, O ANO DA VOLTA POR CIMA!!!

Ficha Técnica

ABC 2 x 1 Bragantino (SP)
Campeonato Brasileiro – Série C 2007
Data: 28/11 – Quarta-feira
Horário: 19h30
Local: Estádio Frasqueirão
Público: 13.019 pagantes
Renda: R$ 150.669,00

Arbitragem:
1º ÁRBITRO: Wilson Souza de Mendonça (PE - Fifa)
ASSISTENTES: Francisco Rudson Rocha Aquino (CE) e Marcos Antônio da Silva Brígido (CE)
4° ÁRBITRO: Paulo Jorge Brandão Figueira (RN)

ABC: Raniere, Nêgo (Fábio Silva), Fabiano, Ben-Hur, Alan, Rogerinho, Adelmo, Jean (Joassis), Juninho Petrolina (Peu), Ivan, Wallyson. Técnico: Ferdinando Teixeira
Bragantino (SP): Gléguer, Niander, Cris, Thiago Vieira, César Gaúcho (Evandro), Da Silva, Davi, André Gaspar, Somália (Neizinho), Valdir Papel (Bill), Hudson. Técnico: Marcelo Veiga

Gols
ABC: Alan (42 minutos do 1º tempo) e Wallyson (27 minutos do 2º tempo)
Bragantino (SP): Cris (23 minutos do 2º tempo)

Cartões
ABC: Jean, Peu e Ben-Hur (amarelo)
Bragantino (SP): César Gaúcho (amarelo)

Fonte: abcfc.com.br

É hoje! Todos ao Frasqueirão

Hoje, pela primeira vez no Campeonato Brasileiro, um jogo da Série C vai ser transmitido pelo SporTV: ABC x Bragantino, ao vivo, para quem tem Sky ou Net.
Também, pela primeira vez, 3 árbitros da FIFA apitam as partidas mais importantes: Gaciba, Tardelli e Wilson de Sousa, esse último, mais uma vez no Frasqueirão.
Sobre a transmissão, posso dizer o seguinte: 15 mil torcedores ABCdistas dentro do Frasqueirão, e mais centenas de milhares espalhados por todo o Brasil irão fazer aquela corrente positiva em busca da vitória. O Diário de Natala já noticiava a imensa busca pelos ingressos nas bilheterias.
Ao lado da TV, para quem pode na internet, vamos sintonizar as rádios que transmitem os jogos do Barras e do Nacional, nossos co-irmãos nordestinos.
Wallyson falou ao Diário de Natal que esse é o jogo de sua vida, mais importante que a final do campeonato estadual. Com Wallyson, estão todos os jogadores alvinegros. O muleke vai comer a bola, e o Brasil inteiro vai assistir.
Caros colegas alvinegros, vamos em busca da vitória! E que Deus esteja com a gente.

terça-feira, 27 de novembro de 2007

Com a nossa ajuda, de novo?

Fui ver a tabela, novamente, e o que aparece? Mais uma vez podemos ajudar o Bahia. Se vencermos o Bragantino, e o Bahia vencer o Crac, nós vamos dar o título ao Bahia.
Impressionante como esse Bahia só consegue alguma coisa com a nossa ajuda!
Mas nós, ABC Futebol Clube, vamos subir!

Um dia que resume um ano

Amanhã é o último dia do Campeonato Brasileiro da Série C (isso fora o jogo adiado, Nacional x Barras).
O ABC tem chances de passar à série B. Se não passar, perdemos 1 ano. Digo só um ano, pq nos outros, não via o ABC tão estruturado como agora. E tão estruturado como agora, e perder a vaga pra série B, é realmente perder 1 ano.
Mas as chances existem, claro, e eu confio na classificação.
Temos que vencer o Bragantino, primeiro ponto. No que depender da Frasqueira, isso está garantido. Espero que as reclamações de Raniere mexam com os jogadores que "vestiram a carapuça".
Os outros pontos tem que vir nos resultados de fora. Para esses, já enviamos "emissários" para "turbinar" os times do Nacional e do Barras, contra Vila Nova e Atlético, respectivamente.
O técnico do Nacional, Raimundo Lima, acredita que, ainda mais com o incentivo, será possível derrotar o Vila, mesmo com todo o favoritismo e apoio da torcida adversária. “Se entrarmos com a mesma determinação que tivemos contra o Crac, acho que temos totais condições de vencer”, afirmou o téncico no site FutebolInterior.
Em Teresina, o Barras também está bastante confiante. O site do time piauiense fala em "revanche", e publica exatamente "Prá cima Bafo! Vamos fincar as garras do Leão do Marathaoan na história do atual campeão de Goiás!". Quem quiser ouvir o jogo ao vivo, é só acessar a www.radiopioneira.am.br.
O site FutebolInterior ainda fala em 200mil pro Nacional e 150mil pro Barras. Isso é mala "BRANCA". Para quem fala em mala preta, o termo está errado. A mala preta é suborno, pago diretamente para alguém (juiz, jogador, time) alterar o resultado do jogo de forma proposital. O termo correto é mala branca, que significa incentivo, e não suborno.
Mas tudo TAMBÉM depende do ABC.
E sobre o nosso time, vou só falar o seguinte: esse pode ser o último jogo de Wallyson com a camisa alvinegra! Galera, vamos a esse jogo! O ABC, como todos sabem, precisa da Frasqueira!

domingo, 25 de novembro de 2007

Agora depende de 2 coisas: da Frasqueira e das malas

Tabela atual:

Classificação - Grupo 29 PG JG VIT EMP DER GP GC SD
1º Bragantino (SP) 26 13 07 05 01 20 11 09
2º Bahia (BA) 24 13 06 06 01 24 14 10
3º Atlético (GO) 21 13 06 03 04 23 15 08
4º Vila Nova (GO) 20 13 06 02 05 24 20 04
5º ABC (RN) 20 13 06 02 05 18 20 -02

6º CRAC (GO) 18 13 06 00 07 20 18 02
7º Barras (PI) 07 12 01 04 07 12 27 -15
8º Nacional (PB) 05 12 01 02 09 06 22 -16


O saldo de gols do Vila é de 4 gols, o do ABC é de -2. Para depender só da gente, precisamos fazer uma goleada histórica no Bragantino, 7 ou mais gols de diferença. Assim, mesmo que o Vila vença por 1 gol em Campina Grande, o ABC se classifica.
O Vila joga em casa. Jogo complicado. Mas, tudo pode acontecer.
O Atlético joga fora de casa. Esse talvez seja o jogo. O Barras pode aprontar sim em cima do time goiano. Se Marciano e o goleiro do Barras ajudaram o ABC em algum jogo passado, agora mesmo é que eles têm que mostrar essa ajuda!
E o Bahia? Esse foi uma decepção total. O empate "arrumado" com o Vila foi bom para os dois. O Bahia saiu classificado, e o Vila saiu na frente do ABC.
Bom, infelizmente chegamos a um ponto que o título desse blog resume: agora depende da Frasqueira - pq só com ela o ABC vence - e das malas para Nacional e Barras ajudarem o ABC.
Com time de massa, como o ABC, é assim, é coração até o final. Sofrimento, esperança.
Vamos subir ABC!

sexta-feira, 23 de novembro de 2007

Temos que ir pra cima

Uma coisa é verdade: Quando o ABC vai pra cima, faz gol, ganha jogo. Isso é fato. Isso é o que acontece no Frasqueirão. Isso foi o que aconteceu em Teresina, quando estávamos perdendo por 2x0, e empatamos. Pra cima, a gente ganha.
Até pq se vc está atacando, vc tem mais posse de bola, e a bola fica com vc, e não com o adversário. Vc de defendendo, é o contrário; a bola está com o adversário e vc fica na defesa, na retaguarda.
Existe coisa mais clara que isso?
Agora, o que também precisa acontecer é um empenho melhor dos jogadores. Segundo Marcos Lopes, Nêgo não jogou nada. Bruno Lourenço perdendo tudo na zaga. Petrolinha só apareceu com seu jogo no segundo tempo. Empenho! Vamos pra cima, vamos jogar o que sabemos jogar.
Imaginem o ABC conseguindo o empate ou a vitória em Goiânia, como vai estar o Frasqueirão na última rodada? Imaginem só...
Além do mais, o Atlético-GO é o único time que o ABC não venceu em toda a série C. Isso mesmo! De todos os adversários nesse campeonato brasileiro, nós vencemos TODOS, menos o Atlético. Precisamos dá um belo troco neles.
Vamos subir ABC!

quinta-feira, 22 de novembro de 2007

24 pontos! É definitivo, é o que o ABC precisa para ainda depender só dele

Vitória contra o Atlético-GO. Temos que buscar. Um empate lá, e decidiremos em casa contra o Bragantino. 24 pontos é o que o ABC precisa para se classificar.
Claro que pode se classificar com menos, 23 ou até 21, mas isso faz com que o ABC dependa de resultados. Isso quer dizer malas!!!
Restam apenas duas rodadas. Mais 4 pontos, o ABC está classificado. Vejamos as outras possibilidades:

Vitória dos mandandes por 1x0:
13ª Rodada
Atlético (GO) 1 x 0 ABC (RN)
Bragantino (SP) 1 x 0 Barras (PI)
Bahia (BA) 1 x 0 Vila Nova (GO)
Nacional de Patos (PB) 1 x 0 CRAC (GO)

14ª Rodada
ABC (RN) 1 x 0 Bragantino (SP)
Barras (PI) 1 x 0 Atlético (GO)
Vila Nova (GO) 1 x 0 Nacional de Patos (PB)
CRAC (GO) 1 x 0 Bahia (BA)
--------------------------------------
1º Bahia (BA) 26
2º Bragantino (SP) 26
3º ABC (RN) 23
4º Vila Nova (GO) 22
5º CRAC (GO) 21
6º Atlético (GO) 21

Vitória dos mandantes, menos o Nacional, e uma simples vitória do Barras contra o Atlético:
13ª Rodada
Atlético (GO) 1 x 0 ABC (RN)
Bragantino (SP) 1 x 0 Barras (PI)
Bahia (BA) 1 x 0 Vila Nova (GO)
Nacional de Patos (PB) 0 x 1 CRAC (GO)

14ª Rodada
ABC (RN) 1 x 0 Bragantino (SP)
Barras (PI) 1 x 0 Atlético (GO)
Vila Nova (GO) 1 x 0 Nacional de Patos (PB)
CRAC (GO) 1 x 0 Bahia (BA)
--------------------
1º Bahia (BA) 26
2º Bragantino (SP) 26
3º CRAC (GO) 24
4º ABC (RN) 23
5º Vila Nova (GO) 22
6º Atlético (GO) 21
*O empate entre Barras e Atletico também classifica o ABC.

Ou seja, se não conseguimos os 4 pontos, temos que torcer pro Nacional e Crac. E haja mala!

ABC não suporta pressão na Fonte Nova

O ABC não suportou a pressão no estádio da Fonta Nova, nesta quinta-feira (22) à noite, em Salvador, e perdeu por 3 a 0 para o Bahia, que assumiu a liderança do Octogonal Final da Série C. Favorecido pela vitória do Atlético- GO sobre o Vila Nova-GO, o Mais Querido caiu para o terceiro lugar, permanecendo no G-4, com 20 pontos. Agora, o ABC vai para o tudo ou nada contra o Atlético, adversário direto na briga pela classificação, no próximo
sábado, em Goiânia.
Decidido a jogar fechado, explorando as bolas longas para Ivan, no contra-ataque, o ABC conseguiu suportar a pressão do Bahia até os 17 minutos do primeiro tempo. Depois de inúmeros avanços pelo lado esquerdo, todos afastados pela defesa potiguar, a equipe tricolor só conseguiu furar o bloqueio alvinegro num chute de fora da área.
O atacante Mor‚ fez a parede sobre Bruno Lourenço, deixando a bola para Elias vir de três e soltar um chute no canto esquerdo de Raniere, fazendo 1 a 0 para o Bahia. Mesmo com o gol sofrido, o ABC continuava jogando mal, dando espaços no meio-campo. Muito bem marcado, Juninho Petrolina não conseguia colocar o time no ataque, limitando-se as jogadas individuais de Wallyson.
Antes de terminar a etapa, Raniere foi exigido em duas novas oportunidades do ataque baiano, uma delas, segurando um chute à queima-roupa de Eduardo, que entrou livre pela área. Com a derrota parcial, o ABC terminou o primeiro tempo na quarta colocação, em virtude da vitória parcial do Vila Nova sobre o Atlético-GO.
Com a mesma formação no segundo tempo, o ABC levou novo sufoco nos momentos iniciais na Fonte Nova. Raniere salvou um arremate de Mor‚ nos minutos iniciais, mas aos oito, não conseguiu evitar o segundo gol de Elias. O meia baiano recebeu livre dentro da área e escolheu o canto para fazer 2 a 0. Antes, Wallyson podia ter mudado o panorama da partida, acertando um chute no travessão, após cobrança de escanteio.
Sem força ofensiva, o técnico Ferdinando Teixeira decidiu arriscar, sacando Nêgo e Rogerinho para as entradas de Miro Bahia e Éder. O time melhorou e no primeiro lance de ataque, Miro Bahia teve oportunidade de diminuir, mas o chute da entrada da área saiu fraco e torto. Em seguida foi a vez de Éder acionar Wallyson. O garoto fintou a zaga e chutou de perna direita, mas o goleiro Márcio defendeu.
Enquanto Arturzinho tirava os seus homens de frente para colocar mais defensores e segurar o resultado, Ferdinando continuava arriscando. Aos 35, ele sacou Bruno Lourenço para a entrada de Marciano. Mas a mudança pouco adiantou, cinco minutos depois, Ávine invadiu a área e chutou cruzado fazendo 3 a 0 e fechando o placar.

FICHA TÉCNICA
Bahia: Márcio; Alison (Cléber Carioca), Eduardo e Rogério; Luciano Baiano, Emerson Cris, Fausto, Elias (Avine) e Adilson; Mor‚ e Nonato (Harley). Técnico: Arturzinho
ABC: Raniere, Bruno Lourenço (Marciano), Ben-Hur e Alan; Nêgo (Miro Bahia),
Adelmo, Joassis, Juninho Petrolina e Rogerinho (Éder); Ivan e Wallyson.
Técnico: Ferdinando Teixeira

Fonte: Diário de Natal

quarta-feira, 21 de novembro de 2007

ABC 1x0 América ! Gol dele, Léster

O grande time misto do ABC venceu agora a pouco o time da série A, o América.
Com um gol de Léster - ele mesmo - aquele que ninguém acreditava, entrou no final do segundo tempo, e fez o gol da vitória aos 44 minutos da etapa final.
Com isso, matou o Alecrim que esperava entrar com a segunda vaga do grupo.
Classificados para a próxima etapa da Copa RN: ABC e América, Assu e Baraúnas!
Grande vitória do Mais Querido! Vencer o América é sempre muito bom, ainda mais com o time dos mulekes!

ABC derruba mais um

Mais um técnico cai após perder por ABC. Acho que já foi o quinto nessa série C.
Dessa vez foi o Reginaldo Sousa, técnico do Nacional-PB, não aguentou a pressão e foi embora mais cedo. O mais interessante, é que Maurício Simões também pediu arrego na derrota por 1x0 lá em Campina Grande. Duas derrotas pro ABC, duas quedas de técnico.

terça-feira, 20 de novembro de 2007

Desentendimento já resolvido: não houve compra de goleiro

O diretor do Barras Futebol Club, Robert Brown Carcará, afirmou agora a pouco ao site 180graus.com que: "Os jogadores do Barras receberam dinheiro do ABC/RN mas como estímulo para ganharem do Vila Nova/GO, como de fato ganharam por 2x1. Que os jogadores são grandes cidadãos e que os desentendimentos ocorridos já foram resolvidos e que a diretoria não tem nada contra Isaías, Pantera e Montanha, que sempre se comportaram como grandes profissionais, vestindo a camisa do time com garra e determinação. Que a diretoria irá por meios jurídicos fazer com que o vereador Cláudio César prove as acusações de suborno".
Isso vem de encontro ao que foi veiculado no site FutebolInterior, informando que o goleiro Isaias foi comprado pelo ABC.
Mas uma notícia do site FutebolInterior que não bate com a verdade!
Na verdade, as rádios de Barras já noticiavam suspeitas de "jogo vendido" bem antes do jogo do ABC. Leia a seguinte matéria do site 180graus.com:
"Imprensa radiofônica e torcedores especulam que o Barras está "vendendo" suas derrotas, que o Barras está perdendo de formas estranhas, como a que aconteceu no último jogo contra o CRAC/GO... como aconteceu contra o Vila Nova/GO... como aconteceu contra o ABC/RN em Natal... é de deixar todo mundo com a "pulga atrás da orelha"... Comentários à parte, não acreditamos que o dinheiro valha mais que a honra para a diretoria do Bafo, afinal o time representa uma cidade e um Estado, portanto deve ser olhado e administrado com profissionalismo. O Barras joga amanhã contra o Vila Nova/GO em Teresina e a torcida exige vitória, senão pode-se comprovar o que especula-se!"

Pra finalizar, vou copiar aqui um comentário de um torcedor do Barras, sobre o assunto:
Acompanho o Barras desde a sua fundação. Não tem nada a ver esse negócio de venda de jogo. Hoje mesmo o goleiro Isaias deu entrevista na Popular FM, falando que o Clube recebeu incentivo do ABC pra ganhar do Vila! O Barras perdeu os jogos nos detalhes! Antes de tudo temos que ver que o atleta é profissional, e quer alcanlar vôos mais altos! Que moral terá um jogador que se vende? Nenhum!O Prefeito ñ tinha q se meter no trabalho do Valter! Cada macaco no seu galho! O BAFO TEM QUE SE ESTRUTURAR!

Pela primeira vez: completo

Completo. É assim que o ABC viaja na madrugada da próxima quarta-feira para o primeiro dos dois compromissos seguidos que fará fora de casa nesta reta final da Série C. Em Salvador, na quinta, enfrenta o Bahia, na Fonte Nova e, em Goiânia encara o Atlético-GO no domingo. Sem nenhum problema de ordem médica e suspensão por cartões, o Mais Querido pela primeira vez neste octogonal vai viajar com o que tem de melhor. Mas as boas notícias não ficam por aí. Além disso, o técnico Ferdinando Teixeira ainda terá à disposição os volantes Jean e Joassis. O primeiro está recuperado de lesão e o segundo volta de suspensão automática.
Nesta segunda-feira, o elenco se reapresentou no Complexo Esportivo Vicente Farache. Pela manhã, foi feito apenas uma revisão médica e à tarde um treino físico leve. Os jogadores Wallyson e Juninho Petrolina, duas das principais peças do elenco, foram poupados, mas não serão problemas para quinta.
Nesta terça, a manhã será de folga e á tarde Ferdinando comanda um treino técnico/tático no Machadão, estádio que tem as mesmas dimensões da Fonte Nova. Na madrugada da quarta, a Delegação segue viagem para Bahia. Na parte da tarde, o time faz apronto no Barradão, campo do rival do tricolor baiano, o Vitória-BA. Depois do jogo, na sexta, a delegação naõ volta a Natal e segue direto para Goiânia, onde no sábado treina no CT do Goiás e no domingo encara o Atlético-GO.
Líder do octogonal final da Série C com 20 pontos, segundo o site chance de gol, o ABC hoje tem 64,9% de chances de ascender à Série B e 13,5% de ser o campeão da Terceirona. Ainda segundo o mesmo site, com 24 pontos, um time terá mais de 98,9% de chances de subir, ao passo de que com 26 pontos a vaga estará assegurada. Segundo esse raciocínio, o ABC com duas vitórias nos três jogos que lhe restam - Bahia e Atlético-GO fora e Bragantino em casa -, garante a vaga. Caso isso não aconteça, um empate fora e uma vitória em Natal contra os paulistas, dependendo dos demais resultados, também pode garantir o Mais Querido na segundona em 2008.

Fonte: Diário de Natal

segunda-feira, 19 de novembro de 2007

Trio elétrico, já?

O Bahia já tá providenciando o trio do Babado Novo e pensando em fazer uma camiseta comemorativa pro título da série C. Como fala no interior, "eles estão contando com o ovo no cú da perua". Acho que essa informação deve chegar à equipe do ABC pra mexer com o brio dos jogadores. Ninguém arma a festa antes da hora, principalmente numa disputa acirrada como é a série C esse ano. Essa informação está no Correio da Bahia, veja: http://www.correiodabahia.com.br/esportes/noticia.asp?codigo=141730
No campeonato estadual desse ano, o time de Parnamirim também contratou um trio elétrico para comemorar o título. Deu no que deu, ABC 49 vezes campeão.

O CONAF, atual CA-CBF

Lendo o blog de Marcos Lopes, sobre o assunto da corrupção na arbitragem na série B, fui procurar na internet algo sobre a Comissão de Arbitragem. Na verdade, procurar alguma coisa sobre a CBF já é complicado. O site da CBF não é nada "amigável", mas ainda tem alguma coisa, pouca, mas tem.
E cadê o site do CONAF - Conselho Nacional de Árbitros de Futebol? Não achei. Se alguém encontrar, me manda.
Mesmo assim, tentei buscar mais coisas, google, pesquisas...e me deparo com o nome do "Paulo J. Alves", citado no post de Marcos Lopes. Paulo J. Alves aparentemente é Paulo Jorge Alves, membro do CONAF. Então o cara é de dentro... (ver site: http://www2.uol.com.br/cbf/sitenoticias/_67761522200773.html)
Mais pesquisas e me deparo com mais nomes..."Prof. Paulo Jorge Alves/RJ (ele mesmo), Prof. Luiz Cunha Martins/RS e Dr. Manoel Serapião Filho/BA". Manoel Serapião? Lembram-se dele? Árbitro de Paysandu x ABC na Curuzu? Pois bem, eles "nomes" fazem parte da atual Comissão de Arbitragem da CBF, vide ofício de 28 de Agosto de 2007 (http://www2.uol.com.br/cbf/destaques/circularca4207.htm).
Engraçado que me deparei com outra matéria, desta vez do Correio Brasiliense, informando que Armando Marques, extinguiu o CONAF em 1997, por suspeitas de corrupção (http://www.radiobras.gov.br/anteriores/1997/sinopses_1305.htm). Devem ter criado o Conselho de Arbitragem da CBF pra assumir o lugar do CONAF.
Mas, meus caros colegas, mudam-se os nomes, ficam as pessoas...

domingo, 18 de novembro de 2007

Todas as possibilidades

Coloco aqui as principais possibilidades dos resultados das próximas rodadas. Vários matemáticos e sites têm falado dessas probabilidades, e eu resolvi colocá-las aqui no blog. Fiz todos esses cálculos em uma planilha excel, que totaliza o grupo na classificação final.
Faltam apenas 3 jogos e inúmeras possibilidades. Coloquei abaixo as que eu achava as mais fáceis de acontecer. Caso alguém tenha dúvidas ou novas possibilidades, mandem comentários e eu refaço os cálculos.
Vejam:

Todos os mandantes vencendo por 1x0:
Octogonal final PG JG VIT EMP DER GP GC SD
1º Bahia (BA) 26 14 07 05 02 23 15 08
2º Bragantino (SP) 26 14 07 05 02 18 11 07
3º ABC (RN) 23 14 07 02 05 19 17 02
4º Vila Nova (GO) 22 14 07 01 06 23 19 04
5º CRAC (GO) 21 14 07 00 07 21 17 04
6º Atlético (GO) 21 14 06 03 05 20 14 06
7º Barras (PI) 10 14 02 04 08 12 26 -14
8º Nacional (PB) 08 14 02 02 10 06 23 -17


Todos os mandantes vencendo por 1x0, mas o Vila vencendo o Atlético, já que é clássico regional:
Octogonal final PG JG VIT EMP DER GP GC SD
1º Bahia (BA) 26 14 07 05 02 23 15 08
2º Bragantino (SP) 26 14 07 05 02 18 11 07
3º Vila Nova (GO) 25 14 08 01 05 24 18 06
4º ABC (RN) 23 14 07 02 05 19 17 02
5º CRAC (GO) 21 14 07 00 07 21 17 04
6º Atlético (GO) 18 14 05 03 06 19 15 04
7º Barras (PI) 10 14 02 04 08 12 26 -14
8º Nacional (PB) 08 14 02 02 10 06 23 -17

*A mesma coisa vale para um empate entre os dois, não muda os quatro classificados

Mandantes vencendo por 1x0 juntamente com Barras e Nacional perdendo seus jogos em casa:
Octogonal final PG JG VIT EMP DER GP GC SD
1º Bahia (BA) 26 14 07 05 02 23 15 08
2º Bragantino (SP) 26 14 07 05 02 18 11 07
3º CRAC (GO) 24 14 08 00 06 22 16 06
4º Atlético (GO) 24 14 07 03 04 21 13 08
5º ABC (RN) 23 14 07 02 05 19 17 02
6º Vila Nova (GO) 22 14 07 01 06 23 19 04
7º Barras (PI) 07 14 01 04 09 11 27 -16
8º Nacional (PB) 05 14 01 02 11 05 24 -19

*Nessa situação, tanto faz o Vila ou o Atlético vencer, o que vencer se classifica em 4º
**Um empate entre Vila e Atlético, coloca o Vila em quarto e o ABC em quinto, ambos com 23 pontos, mas o ABC perdendo no saldo de gols.

Situação hororrosa! ABC empata com o Atlético e vence o Bragantino, vai a 24 pontos e não se classifica. Aqui, o Vila vence o Atlético e o CRAC vence o Nacional, em Patos:
Octogonal final PG JG VIT EMP DER GP GC SD
Bahia (BA) 26 14 07 05 02 23 15 08
Bragantino (SP) 26 14 07 05 02 18 11 07
Vila Nova (GO) 25 14 08 01 05 24 18 06
CRAC (GO) 24 14 08 00 06 22 16 06
ABC (RN) 24 14 07 03 04 19 16 03
Atlético (GO) 16 14 04 04 06 18 15 03
Barras (PI) 10 14 02 04 08 12 26 -14
Nacional (PB) 05 14 01 02 11 05 24 -19


Já um empate com o Bahia, o ABC se classifica, e o Bahia não:
Octogonal final PG JG VIT EMP DER GP GC SD
1º Bragantino (SP) 26 14 07 05 02 18 11 07
2º Vila Nova (GO) 25 14 08 01 05 24 18 06
3º CRAC (GO) 24 14 08 00 06 22 16 06
4º ABC (RN) 24 14 07 03 04 19 16 03
5º Bahia (BA) 24 14 06 06 02 22 15 07
6º Atlético (GO) 18 14 05 03 06 19 15 04
7º Barras (PI) 10 14 02 04 08 12 26 -14
8º Nacional (PB) 05 14 01 02 11 05 24 -19


Uma vitória em Salvador nos dá o título:
Octogonal final PG JG VIT EMP DER GP GC SD
1º ABC (RN) 26 14 08 02 04 20 16 04
2º Bragantino (SP) 26 14 07 05 02 18 11 07
3º Vila Nova (GO) 25 14 08 01 05 24 18 06
4º CRAC (GO) 24 14 08 00 06 22 16 06
5º Bahia (BA) 23 14 06 05 03 22 16 06
6º Atlético (GO) 18 14 05 03 06 19 15 04
7º Barras (PI) 10 14 02 04 08 12 26 -14
8º Nacional (PB) 05 14 01 02 11 05 24 -19


Todas as possibilidades foram feitas com o ABC vencendo o Bragantino na última rodada.
Ou seja, se o ABC quiser se classificar e não depender de ninguém, o jogo chave é contra o Bahia.
Mas se o ABC não vencer o Bahia e vencer o Atlético e Bragantino, também ta dentro. O ABC vencendo só o Bragantino também pode se classificar, mas agora dependendo de outros resultados. O fato é o seguinte: pela primeira vez no octogonal vamos jogar fora com o time completo! O ABC já sabe como jogar com o Bahia e vem de duas vitórias seguintes contra o time de Artuzinho. O Bahia vem vitaminado com a vitória fora, mas sabe que tem vacilado em casa nesse octogonal.
Vamos subir ABC!

GOL do ABC: Wallysson - ABC 1 x 0 Nacional

sábado, 17 de novembro de 2007

Liderança perigosa

Somos líderes. Parabéns ao ABC! Vencemos o Nacional, foi difícil, mas agora é passado! Vamos pensar agora no que vem pela frente.
Como eu já falava anteriormente, essa liderança é uma posição - em termos de pontuação e tabela - muito perigosa.
Restam 3 jogos para todo mundo.
O ABC joga 2 fora e 1 em casa.
Bahia, Bragantino e Vila Nova, que estão exatamente com os mesmos pontos do ABC ou 1 ponto a menos (Vila) jogam 2 em casa e uma fora. Se eles vencem as duas em casa, se classificam. Isso é fato!!!
Isso quer dizer que o ABC vai disputar a outra vaga com o CRAC. Este, joga, igual ao ABC, 2 foras e uma em casa. Só que uma fora deles é com o Nacional-PB, considerado adversário mais fácil da tabela (esse mesmo que complicou com o ABC hoje).
Isso pq eu já estou desconsiderando o Atlético-GO, que joga duas em casa e uma fora.
Por outro lado, tudo só depende do ABC. Um empate com o Bahia ou uma vitória com o Atlético-GO (juntamente com a vitória final contra o Braga) nos leva à serie B.
Toda a imprensa potiguar fala que o ABC quando joga fora de casa, é outro time.
Mas é mesmo! Não da forma que eles pensam, mas na pratica!
Acompanhem meu raciocício: O ABC ganhou 4 pontos fora no octogonal. Tudo bem que foi contra os times mais fracos, mas foram os únicos jogos com o time completo.
Wallyson, Petrolina, Adelmo, Nego e a nossa defesa titular, todos fazem falta.
Nas derrotas que sofremos, todas foram sem Wallyson e/ou Petrolina, todas mesmo. Na única derrota que sofremos com Wallyson, foi a do Bragantino, mas Petrolina não jogou. E o gol deles foi um penalty roubado.
Isso quer dizer que o ABC joga diferente fora pq joga sem as principais peças. É só isso!
Vamos jogar completo contra o Bahia e torcer que também contra o Atlético-GO e buscar esses pontos da classificação.
Parabéns ABC!

10 pra Thiago Pereira. Zero pro SporTV

5 provas disputadas e 5 ouros. 3 na etapa da Copa do Mundo de Estocolmo e, hoje, 2 na etapa de Berlim. Amanhã ele cai na piscina para mais uma prova, e grande chance para finalmente cair um recorde mundial de piscina curta com ele.
Quem assistiu hoje no SporTV viu que "merda" ficou a transmissão da estapa.
Eu tenho minhas explicações: a geração que vem da Europa é digital, em widescreen e som Dolby Digital. Não temos isso aqui no Brasil.
O que o SporTV fez foi um "crop" na imagem, quem vem em 16:9, e mostrou apenas um recorte em 4:3.
Resultado, como falei, uma merda.
Os tempos dos nadadores, que ficam no canto inferior direito da TV, ninguém vê nada (só os minutos.. os segundos e centétimos são cortados).
A venda de TVs de Plasma e LCD estão a mil, o dólar baixíssimo, e a nossa TV continua 4:3, como sempre foi.
Na época da Copa do Mundo da Alemanhã, a Sky chegou a transmitir um canal em 16:9 e som 5.1, pq exatamente a transmissão que eles recebiam da Europa é assim.
Isso quer dizer que eles já tem tecnologia para transmitir com melhor imagem e som.
Pq não fazem?

Hoje é dia de Frasqueirão

Vamos lotar novamente nossa casa. A casa que vem nos dando alegrias em toda a série C. Todo cuidado é pouco com esse tinhoso Nacional (que já nos venceu no Frasqueirão nos preparativos pra série C, em junho desse ano, espero que todos se lembrem disso), que vem turbinado com várias malas pretas, brancas ou sei lá o que.
O nosso time vai completo, menos Joassis.
Nosso garoto de ouro falou assim pra Tribuna do Norte: "O ABC é o clube que eu amo e um dos meus objetivos antes de se transferir para o Atlético Paranaense é de deixar o ABC na Série B. Não vou descansar até lá. A torcida do ABC é maravilhosa e merece subir junto com o time. Espero contribuir da melhor maneira possível amanhã (hoje) e junto com os meus companheiros conquistar mais uma vitória, que será importante para a classificação".
É com esse espírito que o 12º jogador tem que ir ao estádio hj.
Esqueçam esse negócio de liderança. Isso não quer dizer nada 4 rodadas antes do final. O ABC já esteve em segundo anteriormente e depois caiu pra quinto.
Temos que vencer hj! Minha outra torcida é pra vitória do Bragantino, pra afundar o Vila Nova, e nos afastar 4 pontos deles. Também temos que torcer pra vitoria do Barras. Ou seja, todos os que estão na briga junto com o ABC (1 ou 2 pontos de diferença) tem que se afastar. Se der um empate entre os outros 2 times de Goiás, muito bom!
E já vamos jogar sabendo dos outros resuldados, pq os outros times jogam a tarde.
Todos à procissão! Vamos subir ABC!

sexta-feira, 16 de novembro de 2007

Na seleção da série C, maioria do ABC

Na seleção do site FutebolInterior, além de Ferdinando Teixeira, temos mais 3 jogadores do ABC, veja:
Lateral-direito: Nêgo (ABC) – Foi o dono do jogo. Correu barbaridade, deu passes e levou muito perigo ao gol adversário. Marcou o segundo gol, mas antes disso, deixou Ivan em plenas condições para abrir o placar. Com 2 a 0, ainda levou perigo, ao chutar de longe e ver a bola explodir no travessão.
Zagueiro: Bruno Lourenço (ABC) – Jogou muito diante do Crac. Bruno teve uma atuação de destaque, foi o ‘cara’ da defesa do time de Natal. Quando a partida estava empatada, salvou a bola que poderia mudar o panorama da partida, ao tirará-la em cima da linha de gol.
Meio-campo: Rogerinho (ABC) – Com velocidade, conseguiu roubar a cena, pois seu companheiro de meio, Juninho Petrolina recebeu marcação especial. Mas conquistou seu espaço e distribuiu muito bem as jogadas pelo meio.
Técnico: Ferdinando Teixeira (ABC) – Em Natal, o ABC é mesmo imbatível. Méritos para o técnico Ferdinando Teixeira, que soube montar um esquema competente e avassalador. No total, o time da capital potiguar jogou cinco vezes como mandante na fase final, conquistando quatro vitórias e um empate. A força no Estádio Frasqueirão será o diferencial para o ABC chegar à Série B de 2008.

quinta-feira, 15 de novembro de 2007

Os gols do ABC, em fotos

Rodrigo Sena, registrou assim os gols do ABC.

Comentando os comentários

Vamos comentar os comentários?
Bom, ouvi falar que Wallyson e Petrolina estavam bem marcados, Petrolina principalmente, e nossos alas também. Que bom que vencemos o jogo com esse tipo de marcação! Ivan mostrando uma evolução importante (ele jogou muito bem, juntamente com Miro Bahia, contra o Vila Nova em Goiânia).
Marcos Lopes comentou o fraco jogo de Bruno Lourenço. Eu já falava que ele é o que mais faz penaltys no ABC. Precisa muito melhorar esse aspecto: marcação na área pra não fazer penalty.
Fábio Pacheco, do Diário de Natal, fala sobre a possibilidade do ABC assumir a liderança da série C neste sábado. Para isso, o ABC deve vencer o Nacional, e o Vila vencer o Bragantino. Chances para isso existem. Mas eu prefiro uma vitória do Braga, e uma do ABC, claro, para nos distanciarmos dos concorrentes à vaga. O Vila vencendo, embola tudo novamente. O Vila perdendo, abrimos 4 pontos deles, ficamos na segunda posição, e com grande chance de passarmos a série B, que é o objetivo principal.
A Tribuna também fala da 13ª vitória do ABC no Frasqueirão. Eu vou mais além: são 13 vitórias e 1 empate. É a melhor campanha de um time mandante em todos os campeonatos brasileiros, seja série A, B ou C. Temos que manter o foco e também ganhar do Nacional.
Por último, um comentário não comentado: o ABC está na loteria esportiva nesse final de semana, jogo 9, contra o Nacional-PB. Isso quer dizer mais grana pro ABC!